terça-feira, setembro 26, 2006

N002: Com juros de mora

O Prólogo da Chefe
cara nucha: o teu atraso só tem desculpa pim se a publicação for no Automne pam e com este puxão de orelhas em prólogo pum (sic)
O Prólogo Propriamente Dito
Sou como o estado português: pago tarde e mal, mas pago.
Cá vai então a homenagem que faltava no trio – a da segunda mais produtiva para a segunda mais comentadora da estação blogueira anterior, de onde nos transferimos.
Uma questão de números resolvida com palavras.

---------------------------------
MANIFESTO PRÓ-APC E POR EXTENSO
Por Nucha Maria
FICCIONISTA SEM ESCOLA e NADA


Mais Pim Mais!

Uma comunidade que recebe uma APC é uma comunidade que verdadeiramente o é! É um núcleo enriquecido, dignificado e iluminado! É um grupo de honestos e de bons e só pode parir excelência!
Viva esta comunidade blogueira!
Viva a APC, viva! Pum!

A APC poderá camuflar-se, mas não esconde que sabe de psicologia, que sabe de sociologia, que sabe de mitos, que sabe regras de gramática portuguesa, que sabe Inglês, que sabe de fotografia.
Viva a APC, viva! Pum!

A APC poderá ser uma incontinente da comunicação, mas comenta com graça, contrapõe com finura, contemporiza sem esforço e distribui democraticamente meiguices.
Viva pois a APC, viva! Pum!

A APC poderá gostar de José Cid, mas tem desculpa, porque se deita muito tarde!
Viva a APC, viva! Pum!
---------------------------------
Viva a APC, viva! E nós com ela! Pum!